Elaborar uma escala eficiente de frentistas é uma dor para o revendedor. Alguns delegam aos gerentes e na maiorias das vezes, o resultado é ruim. Quando a escala é apresentada, não conseguimos agradar a todos e o frentista insatisfeito acaba transformando isso em um problema, que pode atrapalhar tanto o relacionamento com seus superiores quanto com os colegas.

O posto de combustível exige um modelo de escala personalizado, ao contrário de outros comércios, pois além dos horários de pico, é afetado pela sazonalidade, como feriados prolongados, fins de semana, férias, etc. Cada posto tem suas próprias características e fatores como localização e layout do posto podem  também interferir diretamente na escala de trabalho.

As folgas dominicais são um problema nos postos, cada estado tem a sua regra de acordo com a convenção sindical e é normal o posto ter mais frentistas do que necessitaria por conta dos domingos, o turno não pode ficar desfalcado e isso exige muitos cálculos para conseguir atender à legislação.

Não basta você acertar o número de frentistas por turno se não se preocupar com os horários de intervalos. Normalmente o posto tem 3 picos de movimento de segunda a sexta, no início da manhã, almoço e às 18h. O gerente que não se preocupa com isso acaba prejudicando o posto, sobrecarregando os frentistas e atendendo mal os seus clientes. Nos horários de grande movimento é necessário ter todos os frentistas na pista.

Utilizo um cálculo matemático próprio para identificar o melhor horário de intervalo para os frentistas, assim como a escala geral. É um cruzamento de informações de número de abastecimentos por hora versus quantidade de frentistas diferentes na pista durante um intervalo de hora. Chego em uma média de abastecimento por frentista e consigo verificar se preciso de mais ou menos frentistas em cada horário.

A escala eficiente de frentistas precisa se adaptar ao número de atendimentos e não ao número de funcionários.

Para explicar mais detalhadamente como elaboro a escala eficiente de frentistas, darei um Aulão ao vivo, no dia 20 de novembro, quarta, às 20h. Além do Aulão ao vivo, vou disponibilizar gratuitamente uma planilha para fazer a sua escala. Se você tem interesse em participar ao vivo, clique aqui e cadastre-se.